Hoje é domingo, 30 de maio de 2020, dia Mundial das Comunicações Sociais; do Comissário de Bordo e dia do Espírito Santo # São Luís inicia agora o sétimo e último dia de abertura parcial do comércio. Se o monitoramento do sistema de saúde não apontar nenhum alerta fora do previsto, a retomada geral deve ser mesmo confirmada para o primeiro dia do mês de junho.
propaganda1 presidentesdobrasil humberto gomes orizon supplier
HOME
Entrevista
 Ogmo/itaqui
Syngamar
Telex/Aniversários
 Agencias Marítimas
Soamar MA
Fotos & Imagens
Dicas/Serviços
Capitania dos Portos do Maranhão
The best of web
Fale conosco


Vale
 Alumar
Itaqui
 Cargas
 Todos os portos
 Cartas Náuticas

Concursos
Prêmio Smart
Escoteiros em Foco
Cais do Jeep
Seminário Landlord

Osvaldo Rocha
José Oliveira
 Herbert Santos
Telex/Aniversários
 Humor
Ponto de Vista

José Clementino
Elson Burity
 Bento Moreira Lima

Aniversário Alumar
 Carta Pero Vaz
 Dia do Portuário
 Escoteiros em foco
 Nosso Papai Noel
 São Luis 406 anos
 Copa América 2019
 Cais do JEEP
 O Trem da Vale
Museu da Soamar
Presidentes do Brasil
Farol de Mandacaru

Pratimar
Petrobras
Portal Exportador
Banco Central
Receita Federal
Marinha do Brasil
Capitania Maranhão
Conapra
Policia Federal
Obra Prima CE











Governo do Maranhão entrega os primeiros hospitais de campanha em São Luís e Açailândia
No caso do de Açailândia, toda estrutura foi feita com apoio e o financiamento da mineradora Vale


Inauguração do hospital de campanha em São Luís
O Governo e a Vale entregaram neste sábado (16) o Hospital de Campanha de Açailândia, o primeiro hospital de campanha da gestão estadual para atendimento às vítimas do novo coronavírus do Maranhão. O hospital construído em 26 dias está localizado nas proximidades do Fórum de Açailândia, no bairro Tropical. Ao todo, são 60 leitos, sendo 53 de enfermaria e sete de UTI. O hospital contará com o apoio de duas ambulâncias de plantão, ambas equipadas com estrutura de UTI. Cerca de 217 profissionais fazem parte da equipe que dará assistência aos pacientes. A estrutura dará apoio a municípios da região tocantina.

De acordo com o secretário estadual da Saúde, Carlos Lula, o Hospital de Campanha de Açailândia é uma iniciativa que vai ajudar a desafogar outras unidades públicas de saúde. “O hospital de campanha vai servir não só para Açailândia, mas para toda a região. É um hospital moderno, de média complexidade, com 60 leitos, sendo sete de UTI com respiradores. A gente tem certeza de que ele vai salvar muitas vidas. Melhor que abrir, vai ser quando pudermos anunciar que vamos fechar o hospital, porque vai mostrar que vencemos a pandemia”, afirmou o Lula.

A montagem do equipamento contou a importante parceria da Vale. “O hospital de campanha em Açailândia terá papel fundamental na luta contra a Covid-19. Ele está aqui para salvar vidas! Essa parceria demonstra nosso entendimento de que a única maneira de vencer essa pandemia é somando esforços. Além do hospital, a Vale também está disponibilizando duas ambulâncias UTI para suporte dos pacientes. É um esforço conjunto voltado à saúde das pessoas, das comunidades da qual nós também fazemos parte”, destaca o gerente executivo da Vale, João Falcão.

O chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, exaltou os esforços para o combate ao Covid-19 e relembrou que o autocuidado é a melhor solução. “Além de agradecer a todos os parceiros por este hospital, acima de tudo, é fundamental lembrar que o sucesso na luta contra a pandemia depende fundamentalmente das pessoas, da necessidade do isolamento social, dos hábitos de higiene. Sem isso, é impossível vencer essa pandemia”, enfatizou.

O presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), Marcos Grande, explicou como será o funcionamento do Hospital de Campanha de Açailândia. “O hospital é uma unidade exclusiva para pacientes Covid-19 e vai ajudar muito a região. O paciente precisa passar por um filtro em uma Unidade Básica de Saúde que vai regular este paciente para o hospital de campanha, onde receberá todo o suporte necessário”, esclareceu.

Região Tocantina - Os prefeitos de Açailândia, Itinga e de Vila Nova dos Martírios estiveram presentes na entrega do novo equipamento para tratamento de pacientes acometidos pelo Covid-19. “Quero agradecer ao Governo do Estado, à Vale e a todos os profissionais de saúde que têm se empenhado na luta contra essa doença. Esse hospital vai  ajudar a nossa população e as pessoas dos municípios do entorno”, afirmou Aluísio Silva Sousa, prefeito de Açailândia. A prefeita de Vila Nova dos Martírios, Karla Batista, também comemorou a entrega. “É fruto do comprometimento do governador Flávio Dino e do secretário Carlos Lula com a saúde de todo o Estado. A prova disso está aqui hoje, com a abertura desta nova unidade exclusiva para Covid-19”, disse.

Primeiro Hospital de Campanha de São Luís garante mais de 200 leitos para combater coronavírus

Depois de inaugurar o Hospital de Campanha no município de Açailândia, o enfrentamento ao novo coronavírus na Região Metropolitana ganhou mais um reforço com a entrega do primeiro Hospital de Campanha de São Luís, realizada pelo Governo do Estado nesta segunda-feira (18). A estrutura possui 3.500 m² e conta com 200 leitos, sendo 186 clínicos e 14 de UTI. O espaço foi montando no pavilhão de eventos do Multicenter Negócios e Eventos, de propriedade do Sebrae-MA, e levou duas semanas para ficar pronto. “O hospital de campanha era o nosso plano C, visto que a prioridade era criar estruturas que, após a pandemia, pudessem ficar permanentes para a sociedade e servissem ao sistema público. Diferentemente de outros hospitais que inauguramos, a nossa festa não será hoje, mas quando encerrarmos este serviço porque é quando teremos a certeza de que vencemos a pandemia e também o coronavírus”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

O hospital receberá pacientes encaminhados de uma das quatro Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) referência da capital. Para que fosse colocado à disposição da população, o Governo do Estado fez uso do decreto governamental nº 35.779, que garantiu a montagem da estrutura. As obras foram possíveis graças à parceria entre a Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), a Secretaria de Estado da Saúde (SES) e a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), que será a administradora da unidade.

O presidente da EMAP, Ted Lago, reforçou que o hospital de campanha é resultado da soma de esforços em prol da população. “Decidimos fazer neste espaço por ser mais central e estar mais perto dos hospitais de referência. Essa é a nossa forma de contribuir com os esforços que o Governo tem realizado para enfrentar a pandemia, ao mesmo tempo fortalecendo a nossa relação entre a comunidade portuária e a sociedade”, observou o presidente.

De acordo com o presidente da Emserh, Marcos Grande, a estrutura cumpre um papel importante na rede de assistência aos pacientes. “O hospital é estratégico para ampliar a capacidade de atendimento. Com isso, e com o tempo, queremos começar a liberar as nossas unidades para pacientes que não foram infectados pelo coronavírus”, enfatizou.

O hospital foi montado no Multicenter Sebrae - Presente na cerimônia e representando o governador Flávio Dino, o secretário de Estado da Casa Civil, Marcelo Tavares, reiterou o compromisso do Governo no enfrentamento à doença. “O esforço tem sido de forma conjunta para que continuemos a oferecer um tratamento digno a cada maranhense que enfrentar a Covid-19. No entanto, destacamos que nada será suficiente se cada cidadão não tiver consciência que esta é uma luta de todos”, destacou.
A equipe de profissionais que dará suporte no hospital de campanha será compatível ao quantitativo de leitos instalado. Para isso, fazem parte do corpo de especialidades do espaço médicos intensivistas tanto para UTI como enfermaria, além de um quadro multidisciplinar formado por psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, técnicos de enfermagem e nutricionistas.

Mais saúde -  No último sábado (16), a SES também fez a entrega de um hospital de campanha, no município de Açailândia. Com obra executada pela empresa Vale, a estrutura construída em 26 dias possui 60 leitos, sendo 53 de enfermaria e sete de UTI. Para dar maior agilidade ao translado de pacientes, o hospital conta com o apoio de duas ambulâncias de plantão, ambas equipadas com estrutura de UTI. Aproximadamente 217 profissionais integram a equipe que dá assistência aos pacientes.

Lugar: ´PORTOSMA
Fonte: Secom/MA
Data da Notí£©a: 19/05/2020

Untitled